Sexta-feira, 15 de Outubro de 2010

DEVAGAR SE VAI AO LONGE

Estou contente...

Devagar se vai ao longe sempre ouvi dizer, e realmente é verdade, o meu rafita ontem deu insulina na barriga. Quem á 3 dias atras nem queria ouvir falar em levar insulina sem ser no rabo fez grandes progressos.

Axo que está a tornar-se um verdadeiro homem.

 

Ontem á noite antes de jantar comeu 1 pastel de bacalhau, malvado, glicemias ás 20.30: 496   :(

 

 

Vamos andando 1 dia de cada vez!

publicado por nocas às 12:55
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quarta-feira, 13 de Outubro de 2010

Progressos

Pois é, por vezes nem tudo sao más noticias. Após um esforço grande, o meu Rafa injectou-se na perna. E diz que nao doeu nada, até repetiu hoje de manha.Estou feliz!!!

publicado por nocas às 09:22
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Terça-feira, 12 de Outubro de 2010

Será isto possivel um dia??

 

 

 

 

Insulina inalada?

Será que algum dia poderemos vir a ter este método em POrtugal?

Será o fim das malditas injecções de insulina?

 

Vamos lutar e nao vamos desistir, por nós por eles!

publicado por nocas às 16:58
link do post | comentar | favorito
|

Voltar a amar

A vida dá muitas voltas, eu que o diga.

 

O destino a Deus pertence, mas se quisermos muito, tambem poderemos fazer o nosso proprio destino.

 

Nunca pensei que após 15 anos de desaparecimento e total perda de contacto, o destino quisesse que nos unissemos.

 

Após o meu divorcio em 2009, re-encontrei um grande amigo, antigo namorado de escola ( brincadeiras). Acho que foi de novo amor á primeira vista. Parece que quando nos encontrámos houve algo em mim que me disse que agora sim ía ser feliz. Tambem acho que ja merecia, após uns ultimos anos de inferno que foi o meu casamento.

 

Parece que assim estava destinado, o encontro após tantos anos e numa altura em que ambos estavamos descomprometidos.

 

Começámos a sair com alguma regularidade, mas ja nao conseguiamos disfarçar o amor e a cumplicidade que nos unia. Voltei a sorrir...

Voltei a ser feliz!

 

Encontrei um 'pai' para o meu filho, adoram-se mutuamente, o Rafael é tao feliz quando está junto de nós.

 

Aprendeu a conviver com a diabetes do Rafael e em pouco tempo estava apto para tratar dele. Tenho muita confiança nele e sei que se o deixar sozinho com o Rafa, ele sabe tratar dele na perfeição.

 

Não é qualquer pessoa que aceita uma mulher, divorciada á semanas, e ainda por cima com um filho. E ele aceitou, foi a maior prova de amor que me deu.

 

Estamos a viver juntos e somos tão felizes os 3. Quero pensar que esta felicidade é eterna, e nem consigo imaginar se assim não o for!

publicado por nocas às 16:31
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Luta constante

Tenho ouvido falar muito de blogs, mas até á data nao me tinha aventurado a escrever nenhum. Achava sempre que se tratava de uma espécie de diário. Mas agora decidi que precisava de falar com o Mundo.

Sou mãe de um menino de 5 anos com diabetes desde os 3 anos, diabetes tipo I, insulino dependente. A quando do diagnostico da diabetes ainda estava casada com o pai do Rafael o que não acontece neste momento, separei-me a 19 Setembro 2009.

Escusado será dizer do quão complicado foi esta fase para o Rafael.

E foi por ele que criei este blog.

Acho que preciso de desabafar com o Mundo.

 

Sempre fui muito forte e enfrentei esta doença com unhas e dentes, fui o corpo e a mente do meu filho, dava tudo para ser eu a portadora da doença. Mas Deus não o permitiu, e deu essa cruz ao meu principe.

 

O Rafael entrou no hospital D. Estefania a 17/1/2009 com 1.200 de glicemia mas sem corpos cetónicos. Tanta sede e constante vontade de urinar levantaram-nos suspeitas, mas nunca pensei que pudesse acontecer...

A partir dessa data deixei de viver para mim, só vivo para ele.

 

Tem sido uma aprendizagem, com constantes variações de HBA1C, desde o 6.5% até ao terrivel 10.0% que aconteceu ontem após a consulta e que me levou a criar este blog.

 

Estou triste, cansada, sem forças, tenho medo, muito medo.

 

Não sei como agir, sao as constantes HIPO-HIPER glicemias, nao o consigo controlar, está com 400 e baixa para 30, mesmo sem insulina, não entendo!

 

Iniciou este mes os treinos de futebol na Academia do Sporting, ele adora, anda feliz, mas ontem fomos informados ( eu e o pai que está sempre presente nas consultas) de que nao poderia frequentar mais a academia, os valores dele estão incompativeis com exercicio fisico. Como lhe vou tirar isso? Mas tb sei que se não o proibir ele vai acabar por acabar um dia um treino inconsciente.

 

Tenho ate ao dia 02/11 para tentar controlar a glicemia do Rafa sob pena de ele ser internado para rectificar HBA1C. Não quero, não consigo, não aguento vê-lo numa cama de hospital.

 

Tento encontrar forças onde já nao as tenho, felizmente o meu actual companheiro tem sido um pai para o Rafael, tem sido ele a dar-me força, apoio, e a incentivar para nao desistir, que vamos conseguir, a HBA1C do Rafa vai chegar a valores normais. É esse o objectivo!

 

E depois existe o medo da HIPO nocturna, de o Rafael se ' ficar' durante uma noite de sono, e eu nao conseguir fazer nada, tenho panico do GLUCAGEN, não sei se conseguirei injectá-lo se for preciso.

 

Enfim, vamos aguardar por melhores dias!

publicado por nocas às 16:08
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
14
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.posts recentes

. DEVAGAR SE VAI AO LONGE

. Progressos

. Será isto possivel um dia...

. Voltar a amar

. Luta constante

.arquivos

. Outubro 2010

blogs SAPO

.subscrever feeds